Buscar

26/08/2020

👕 Lojas Renner


As origens da Lojas Renner remontam ao ano de 1922, quando o grupo A. J. Renner inaugurou, em Porto Alegre, seu primeiro ponto de venda para artigos têxteis. Foi apenas em 1965, porém, que a Lojas Renner como é atualmente conhecida foi fundada. Apenas dois anos depois, em 1967, a companhia teve seu capital aberto ao mercado


A grande expansão da companhia se deu na década de 1990, quando foi implantada a chamada “Filosofia do Encantamento”, segundo a qual não bastaria satisfazer, mas seria necessário superar a expectativa dos clientes.


Assim, sob a “Filosofia do Encantamento”, o modelo da Renner tornou-se fornecer aos clientes coleções baseadas em atitudes, interesses, valores, personalidades e hábitos. Daí, surgiu o famoso slogan: “Você tem seu estilo. A Renner tem todos.”


Em 2005, já com 64 pontos de venda, J. C. Penney (controladora da companhia), juntamente com a administração, optou pela venda do controle da companhia por meio de oferta de ações na BOVESPA. Desse modo, a companhia tornou-se a primeira no país a ter o capital pulverizado e aproximadamente 100% de suas ações em circulação.


Atualmente, seus papéis são negociados no Novo Mercado, com o grau mais elevado de governança corporativa e é a maior varejista de moda do Brasil.


A companhia conta com mais de 600 lojas, sendo 9 no Uruguai e 4 na Argentina. Suas frentes de atuação são: as Lojas Renner (moda), a Camicado (decoração) e a Youcom (moda jovem). Ainda, a companhia aposta na gestão de ativos financeiros como aliada ao varejo, por meio da Realize CFI.


O modelo de negócios e a gestão da Lojas Renner vêm se mostrando muito eficazes e resilientes. Porém, com a Pandemia de 2020, a companhia vem enfrentando dificuldades devido à sua ainda baixa penetração no e-commerce.


E você? O que acha deste modelo de negócios?


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo