Buscar

12/08/2020

🏢 Intitulada como maior empresa privada de energia elétrica do Brasil, a Engie concentra sua receita na geração através de usinas hidrelétricas. Apesar disso, tem explorado formas alternativas de energia e passando a atuar no segmento de transmissão, atingindo resultados surpreendentes.


📈 No segundo trimestre de 2020, o lucro líquido da Engie foi de 766 mi, registrando alta de 98% na comparação com 2019. O resultado leva em consideração a equivalência patrimonial pela aquisição de 10% da TAG no ano. Ainda assim, seu desempenho operacional como geradora foi positivo no período: variação de 16% no Ebitda com Margem Ebitda subindo 5 p.p. atingindo 63% no segmento.


📈 Quanto à transmissão de energia, segmento com as margens mais elevadas do setor, a Engie detém dois projetos em andamento: o Gralha-Sul e o Novo Estado, nas quais se compromete com a construção, operação e manutenção das linhas de quase 3.000 km de transmissão, o que indica a estratégia da gestão de diversificar suas receitas no futuro.


📊Quanto à geração, a Engie já apresenta diversas matrizes energéticas, entre elas estão as termelétricas, as quais pretende expandir com a aquisição da TAG, e complementares, onde estão as fontes eólicas, solares, de biomassa e PCHs.


📰: RI - Engie


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo